European Commission DG Justice | Civil Society Forum on Drugs

(CSF) meets at least once a year and serves as a platform for informal exchanges of views and information between the Commission and civil society organisations. http://ec.europa.eu/justice/anti-drugs/civil-society/index_en.htm

In 2013, 40 organisations became members (among which Dianova International) of the Civil Society Forum for a two year period and the first plenary meeting took place on 24-25 June.

The Commission’s support is strictly limited to the activities of the Civil Society Forum, and does not extend to any of the participants’ other activities nor shall it be used for other purposes. Should this not be the case, the Commission reserves the right to withdraw participants’ membership at any time.

The overall objective of the CSF is to:

– feed specific grass-roots experience into Commission proposals

– contribute to the work on monitoring the EU Action Plan on Drugs (2013-16) Read full doc http://ec.europa.eu/justice/anti-drugs/files/drugs_ap_2013_2016_en.pdf

– support the Commission’s work to prepare the new EU drugs policy framework.

Read full Conclusions of the CSF 2013 http://ec.europa.eu/justice/anti-drugs/files/8-civil-society-forum_en.pdf

Take part of this civil society movement!

O Fundo De Impacto Local oferece um novo tipo de financiamento a organizações e empresas sociais

O novo Fundo de Impacto Local pode ajudar no crescimento da economia social local

Há uma grande dose de atenção dada às políticas de nível nacional para o crescimento do investimento no mercado, mas como é que essas iniciativas conseguem apoiar da melhor forma o crescimento dos modelos de investimento das organizações sociais e da economia social?

 

Lançámos um novo modelo  para Fundos de Impacto Social que promete oferecer um novo tipo de financiamento  para organizações e empresas sociais.

http://www.sibgroup.org.uk/news/news/2013/local-impact-funds-to-provide-a-new-kind-of-finance-for-charities-and-social-enterprises/?utm_campaign=SIB+Newsletter+-+September+2013&utm_source=emailCampaign&utm_medium=email&utm_content=

 

Conheça o prospecto do Fundo de Impacto Local

O prospecto explica o novo modelo para o Fundo de Impacto Local em maior detalhe. Ele dirige-se a Empresas Sociais, Autoridades Locais e outros actores locais da Economia Social, bem como determina como é que esta iniciativa irá trabalhar e apoiar a criação da economia social.

http://www.sibgroup.org.uk/lif/?utm_campaign=SIB+Newsletter+-+September+2013&utm_source=emailCampaign&utm_medium=email&utm_content=

 

Junte-se a nós no lançamento de Fundo de Impacto Local

Questões como a economia estão no topo das preocupações de todas as pessoas. Iremos falar com três partidos políticos sobre como novos modelos de financiamento podem ajudar o crescimento da economia social e local.

 

Porque não juntar-se a nós se é assíduo em conferências? Nós temos um fantástico painel de oradores incluindo figuras como Hazel Blears, Nick Hurd, Nick O’Donohoe, Sir Stephen Bubb, bem com importantes jornalistas, analistas políticos e empreendedores sociais.

http://www.sibgroup.org.uk/news/events/fringe2013/?utm_campaign=SIB+Newsletter+-+September+2013&utm_source=emailCampaign&utm_medium=email&utm_content=

 

Trazer a economia social para a vida

O “Vine Trust”, projecto dirigido por Kevin Davis, tem defendido o papel de zonas empresariais sociais entre Parcerias de Empresas Locais, e, recentemente, anunciou duas parcerias significativas entre Parcerias de Empresas Locais do País Negro (específica parte de Inglaterra), e Parcerias de Empresas Locais  do Oeste de Inglaterra, que irão encorajar empreendedores sociais locais e criar novos postos de trabalho.

http://www.sibgroup.org.uk/investees/?utm_campaign=SIB+Newsletter+-+September+2013&utm_source=emailCampaign&utm_medium=email&utm_content=

 

Veja o vídeo da Economia em Conjunto:  http://www.sibgroup.org.uk/investees/?utm_campaign=SIB+Newsletter+-+September+2013&utm_source=emailCampaign&utm_medium=email&utm_content=

Apresentação Estudo Follow-up “Trajectórias: da dependência à reintegração” Praga 18 Setembro 2013

A Dianova Portugal participou como Orador na 14ª Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas dedicada ao tema “On Rehabilitation and Drug Policy“, realizada entre 17-20 de Setembro em Praga (República Checa), na qual estiverem presentes mais de 150 delegados da Europa, América do Norte e Austrália, apresentando as conclusões finais (preliminares) do estudo científico de follow-up “Trajectórias: da dependência à reinserção social”Clique aqui para ver a apresentação powerpoint (versão inglesa) http://www.slideshare.net/Dianova/presentation-dianova-cies-iscteiuleftc-prague-2013.

Constituíram objectivos centrais da pesquisa captar regularidades e singularidades sociais presentes nas estratégias de reintegração dos indivíduos e associadas a padrões sociais, familiares, individuais, a competências adquiridas durante o processo terapêutico (indivíduos que concluíram tratamento na Comunidade Terapêutica Quinta das Lapas Dianova entre 1999 e 2009, tendo sido seguidas as suas trajectórias de reinserção durante 3 anos), ou resultantes da apropriação de medidas institucionais.

O estudo foi coordenado pela Prof.ª Doutora Susana Henriques, com uma equipa do CIES-ISCTE-IUL, entre 2010 e 2013, tendo seguido a trajectória de reinserção social de Pessoas que concluíram programa de tratamento da toxicodependência na Comunidade Terapêutica Quinta das Lapas. O estudo final e suas conclusões e recomendações será apresentado expectável e publicamente em Portugal em Outubro próximo.

The THINK World Fundraising Markets Report 2013 em parceria com a Consultora Internacional Daryl Upsall

O Relatório para Angariação Mundial de Fundos 2013 é uma ferramenta única de planeamento e investimento, e a edição de 2013 acolheu 84 países (55 em detalhe) em sete pólos regionais. http://www.thinkcs.org/world-fundraising-markets-2013/

Nesta última década e meia, a THINK tem trabalhado com ONG internacionais, com as Nações Unidas e com ONG’s para ajudar a compreender os mercados, planear quais os melhores fundos de mercados a obter ou para investir, bem como a identificar onde residem as melhores oportunidades.

Tal como o sector comercial, presentemente o sector não lucrativo sente a necessidade de pensar a nível global, bem como de identificar de um portfolio de mercados que ajude a apoiar a missão e a visão da Organização. O Relatório THINK World Fundraising Markets 2013 oferece de forma sistemática toda a informação essencial necessária a este respeito. A nossa rede de pesquisa internacional percorreu o mundo, recolheu e processou informação qualitativa e quantitativa no seu conjunto, sobre os aspectos essenciais e mais difíceis de encontrar. Este Relatório constitui-se como uma ferramenta prática para estrategos, especialistas no ramo do Marketing e Comunicação, equipas financeiras e investigadores; para além da informação-chave, fornece ainda uma série de mecanismos e tabelas que permitem a formação detalhada de perfis, bem como o cruzamento de comparações de mercado e a sua atractividade.

 

O Relatório completo em formato PDF, permite a máxima flexibilidade de acesso à respectiva informação. A informação é apresentada nos sete pólos regionais de mercado a nível mundial:

– América do Norte

– América Central e do Sul e Caraíbas

– Europa Ocidental

– Rússia, CEE, CIS e Países Bálticos

– Pacífico-Ásia

– África

– Médio Oriente

 

Poderá identificar no Relatório o perfil de cada país com a informação necessária para que as Organizações façam uma primeira avaliação relativamente ao potencial de captação dos recursos do país antes de uma pesquisa mais aprofundada.

 

Os perfis dos países são apresentados em forma de tabela, com classificações para cada área de mercado, de maneira a facilitar uma comparação  “gosto por gosto” entre múltiplos mercados ao compilar ou avaliar um portfolio global.

 

Cada perfil de cada país contém 5 tabelas que contemplam:

– População

– Economia

– Comunicação e Meios Digitais

– Infra-estruturas para Fundos de Angariação

– Fundos de Angariação

 

A tabela de Angariação avalia o mercado do país através de:

– Maturidade do Mercado de Angariações (madura, médio maduro, desenvolvimento)

– Valor do Mercado de Angariações

– Nível de Competição

– Facilidade de Entrada no Mercado

– Potencial Público de Angariação de Fundos para:

  • Indivíduos
  • Principais Doadores
  • Fundações
  • Companhias

 

Técnicas de fundos de angariação praticadas por:

– Marketing Directo (incluindo novas e emergentes actividades de marketing directo)

– Cara a cara / Porta a porta

– Telemarketing

– DRTV (Direct Response Television)

– Comercialização de legados

 

Para encomendar a sua cópia ou para solicitar mais informação, por favor complete o formulário no seguinte link: http://www.thinkcs.org/world-fundraising-markets-2013/

Submeta a sua candidatura a este desafio!

Bem-vindo à  mais recente combinação de notícias e desenvolvimentos da rede de trabalho Euclid que gostaríamos de partilhar consigo – Divirta-se!

 

Submeta o seu desafio!

 

Como parte da nossa Conferência Anual, estamos à procura de desafios que possa enfrentar como empreendedor, como organização, ou na sua comunidade local, de maneira a enfrentá-los durante o evento em Estrasburgo, que decorrerá no dia 15 de Janeiro de 2014.

Se for seleccionado, o seu desafio será discutido inteiramente, no dia do evento, por peritos, em matérias da sociedade civil, inovação social, empresas sociais e investimento social, que irão procurar diferentes percepções, conhecimentos e ideias em como abordar o problema.

 

Benefícios: Você terá novas ideias relativamente à forma de tratamento do problema e descobrirá diferentes abordagens que poderá nunca antes ter considerado. É uma oportunidade incrível para apresentar o seu caso aos comentadores e aos decisores políticos, a nível local, nacional e internacional. Especialistas de toda a Europa irão identificar os obstáculos do seu desafio e você terá a oportunidade de criar novas parcerias internacionais com o objectivo de encontrar soluções sustentáveis.

 

Pode submeter o seu desafio através do botão na parte inferior do formulário (http://euclidnetwork.eu/files/Challenge_Submission_Doc_Final.pdf) ou enviando a versão em formato word (http://euclidnetwork.eu/about-us/annual-conferences/euclid-network-annual-conference-20134/get-experts-to-work-on-your-challenge.html) em forma the e-mail para Lucas (lucas.fulling@euclidnetwork.eu). Se tiver qualquer questão ou dúvidas, por favor visite o nosso website (http://euclidnetwork.eu/about-us/annual-conferences/euclid-network-annual-conference-20134/get-experts-to-work-on-your-challenge.html) ou sinta-se à vontade para contactar o Lucas (lucas.fulling@euclidnetwork.eu) ou através do número +44 (0)2070144636.

Concurso multimédia “Migrantes na Europa” | Vamos ajudar a Bárbara Lopes a vencer a categoria Prémio Público Online

A Coordenação Nacional apela ao voto da finalista a representar Portugal no concurso “Migrantes na Europa” Bárbara Lopes, de 21 anos,categoria Fotografia, intitulada “Lisboa Tolerante”, da EPI – Escola Profissional de Imagem durante o mês de Setembro através do site  http://www.migrantsineurope.eu/finalists .

Sinopse: Esta imagem foi tirada no Largo de São Domingos, no Rossio, em Lisboa. Este largo é um ponto de referência e de turismo da cidade, sendo também frequentado por pessoas de várias nacionalidades que escolheram Portugal como destino migratório. É um local emblemático dos movimentos migratórios – nas paredes podemos ler ‘’Lisboa tolerante’’ em várias línguas.

Boa sorte para a Bárbara e para Portugal!

ImagemEPI

O trabalho da Bárbara Lopes foi um dos 27 seleccionados pelo Júri Europeu, integrado pela jornalista Fernanda Freitas, a 5 de Setembro último em Bruxelas, já disponíveis para visualização e votação online www.migrantsineurope.eu, e que teve como objectivo de estimular junto dos estudantes de Artes, Jornalismo, Comunicação e Multimédia um debate construtivo e, ao mesmo tempo, reflectir sobre a situação e impacto dos migrantes nas sociedades Europeias.

Entre os 27 Finalistas http://www.migrantsineurope.eu/finalists o Júri seleccionou um Vencedor por categoria Poster | Fotografia | Vídeo, os quais serão conhecidos na Cerimónia de Entrega dos Prémios a 14 de Outubro em Bruxelas que contará com a presença da Comissária Europeia Cecilia Malmstrom. 

Adicionalmente, os cidadãos europeus poderão eleger através do site  http://www.migrantsineurope.eu/finalists durante o mês de Setembro o melhor trabalho que vencerá a categoria Público Votação Online

Cada um dos 4 Vencedores receberá um Prémio de 10.000€.

APARTAMENTO DE REINSERÇÃO SOCIAL DIANOVA: uma resposta de reinserção social

Concluído o Tratamento, de per se um factor crítico de sucesso, a reinserção social e profissional é condição sine qua non para uma plena integração e factor condicionante de eventual recaída. Nesta fase igualmente crítica, a pessoa reabilitada coloca-se questões fundamentais:

  • E agora, que perspectivas tenho face ao futuro?
  • Onde posso dirigir-me para solicitar apoio técnico e/ou financeiro?
  • Que medidas estão à minha disposição para iniciar uma actividade de qualificação ou laboral?

Consciente da importância que a Reinserção assume no processo de consolidação do tratamento e perante as dificuldades sentidas por alguns dos utentes em situação de extrema exclusão social, a Dianova disponibiliza uma resposta integrada: o Apartamento de Reinserção Social, protocolado pelo Instituto de Segurança Social, I.P., para 6 Utentes.

Esta Unidade permite uma intervenção global na reorganização do plano socioprofissional dos toxicodependentes em fase conclusiva de tratamento, como medida facilitadora e/ou regresso ao mercado de trabalho, promovendo-se a igualdade de oportunidades de emprego.

Localizada na Quinta das Lapas, em Monte Redondo – Torres Vedras, o programa tem uma duração média de 6 meses, com acompanhamento psicossocial.

admissão de Utentes obedece a critérios específicos, nomeadamente:

  • Ter cumprido um programa de tratamento, com credenciação do mesmo;
  • Demonstração de motivação e vontade própria de adesão;
  • Aceitação das regras de funcionamento;
  • Delineação de Projecto de Vida.

Se está em vias de processo de conclusão de tratamento da toxicodependência e carece de uma resposta de reinserção social contacte-nos através do te. 261 312 300 ou saiba mais em http://dianova.pt/os-nossos-servicos/apartamento-de-reinsercao-social