SIB quer conhecer melhor organizações da sociedade civil

O Social Investment Business (SIB) lançou um inquérito para conhecer as necessidades financeiras futuras das organizações da sociedade civil. O inquérito vai estar online pelo menos durante um ano. Os dados recolhidos servirão de apoio à criação de um plano de desenvolvimento de novos fundos, avança o portal Third Sector.

O objectivo do estudo é “assegurar” que o SIB está a “desenvolver os produtos certos para ajudar [as instituições] a atingir os seus objectivos” – pode-se ler na introdução ao inquérito online deste operador na área de gestão de fundos. E a quem se destina? A empresas sociais, instituições de solidariedade social, associações e cooperativas, mas também a empresas privadas com objectivos sociais que nunca tiveram acesso a investimento social.

“Da experiência de gerir mais de mil vínculos com investidores ao longo dos últimos dez anos, tivemos [noção] das suas necessidades de financiamento, mas para ter a certeza que os nossos fundos têm o máximo de impacto, precisamos de ouvir [a opinião] de mais organizações do sector sobre as suas necessidades de financiamento e que tipo de negócios lhes parecem apelativos”, avançou Jonathan Jenkins, director geral do grupo SIB, citado pelo portal Thirdsector.

O inquérito pergunta a líderes – sobretudo do terceiro sector – se há projectos específicos que desejassem desenvolver, caso tivessem mais acesso a financiamento, e que tipos de financiamento lhes interessam mais. No formulário há questões sobre a escala geográfica das organizações, os serviços e produtos que disponibilizam ou as facturações relativas aos anos 2011/2012 e 2010/2011.

De acordo com Jenkins, os inquéritos anteriores mostraram que cerca de 20% das associações tinham necessidades de financiamento superiores a 1 milhão de libras e que a maioria das organizações estava apostada em aumentar a escala de programas próprios já em curso.

O director geral do grupo SIB disse ainda que havia mais interesse por um financiamento do tipo “equity-like” – produtos que se assemelham a stocks e a acções, onde o nível de reembolso para o investidor depende do sucesso da instituição de solidariedade social.

O SIB é um organismo gestor de fundos especializado, que geriu até ao momento mais de 1300 investimentos em organizações da sociedade civil. A missão, de acordo com o site oficial do grupo, passa por “ter um efeito transformador no sector – dando poder ao sector quer a nível organizacional, quer a nível estratégico, de modo a que este seja mais sustentável e valorizado na oferta de serviço público” e  por “ser um líder no ramo do investimento social, baseado no sucesso demonstrável em auxiliar as organizações da sociedade civil de todas as dimensões a fazerem mais daquilo que elas fazem melhor”.

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s