Morte de surfista reacende a discussão sobre a dengue

O súbito desaparecimento do surfista Havaiano, Andy Irons, lançou a discusão em Portugal sobre a diáspora da dengue. O antigo campeão mundial que tinha participado no mês passado, na etapa portuguesa de Peniche, pontuável para o campeonato mundial de Surf 2010, foi encontrado morto num quarto de Hotel em Dallas. Irons fez escala forçada interrompendo a viagem de regresso a casa, supostamente por razões de saúde.

Conforme declarações oficiais no site da Rip Curl Pro Search, a morte pode ter decorrido de uma “dengue hemorrágica contraída em Portugal”, de acordo com fontes próximas do atleta. Esta informação veio despoletar um alerta geral contra a epidemia que foi prontamente desmentida Direcção-Geral da Saúde (DGS). Na voz do seu presidente, Francisco George, a DGS assegura que “todos os casos de dengue diagnosticados até à data, em Portugal, foram importados de regiões endémicas” e que por isso, todos os casos identificados são “importados”.

Acrescentando que o contágio do vírus é propagado através da picada de mosquitos infectados excluindo daqui a hipótese da passagem interpessoal, os serviços da DGS estão em contacto com a Secretaria de Estado da Juventude e do Desporto no sentido de “esclarecer o itinerário percorrido pelo surfista nas últimas semanas”, segundo uma nota da instituição.

O Centro de Controlo de Doenças norte-americano tinha em Junho lançado um aviso para quem viajasse para Porto Rico, Caraíbas, América Central e Ásia Central. Porto Rico era um dos países sinalizados com casos confirmados de dengue. Entretanto foi solicitada uma autópsia para se apurar o real motivo da sua morte já que suspeitas indicam que o surfista pode ter sofrido uma overdose por ingestão de metadona, ligando os rumores de excesso de álcool e drogas ao longo da sua carreira.

Andy Irons tinha 32 anos, sagrou-se campeão mundial em três ocasiões e era tido como uma das grandes lendas da modalidade. Estava a um mês de ser pai.

Mais informações em:

Anúncios

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s