Durão Barroso realça riscos económicos que UE ainda enfrenta

O presidente da Comissão Europeia assegurou, hoje, em Estrasburgo (França), que a União Europeia está melhor do que há um ano, mas alertou para os riscos ainda a enfrentar e para a necessidade de reformas profundas. José Manuel Durão Barroso fez pela primeira vez o discurso sobre o estado da União no Parlamento Europeu reunido em sessão plenária, em que fez um balanço do último ano e traçou as prioridades para os próximos meses.

“A União Europeia está hoje melhor do que há um ano, mas permanecem incertezas”, disse José Manuel Durão Barroso, acrescentando que ainda há muito para fazer, nomeadamente na frente da luta contra o desemprego. 

“Chegou para a Europa a hora da verdade, ou sobrevivemos juntos ou afundamo-nos um a um”, dramatizou Durão Barroso.

No entanto, o presidente da Comissão Europeu acredita que os europeus “podem ter confiança na UE” para levar os 27 “rumo ao futuro.

Cinco desafios

Durão Barroso definiu “cinco desafios mais importantes para a União Europeia no próximo ano”.

Em primeiro lugar, continuar a luta contra a crise e melhorar a governação económica na UE.

“Vamos apresentar as propostas legislativas mais urgentes em 29 de setembro”, anunciou o presidente da Comissão Europeia, que acredita que os governos nacionais aceitam agora a aprovação de mais medidas no sentido de sancionar os países que não cumprem as regras dos 27 de política orçamental.

Durão Barroso também quer finanças públicas nacionais sãs para assegurar um maior crescimento económico e criação de emprego, tendo defendido a aceleração da agenda de reformas estruturais.

Outro desafio será a continuação da construção de uma área de liberdade, segurança e justiça em toda a UE para os cidadãos europeus.

Respeito pelos migrantes

“Os migrantes legais encontrarão na Europa um lugar onde os valores humanos serão respeitados”, disse Durão Barroso, acrescentando que se lutará contra a exploração de imigrantes ilegais dentro da Europa e nas suas fronteiras.

O líder do executivo comunitário também irá apresentar nos próximos meses propostas sobre o futuro orçamento comunitário.

“Precisamos de gastar o nosso dinheiro onde podemos obter um maior valor” para os nosso investimentos, defendeu Durão Barroso.

O último grande desafio para o próximo ano será a tomada de medidas para aumentar o peso política da UE no Mundo.

O presidente da Comissão Europeia quer os 27 a atuar em conjunto.

“Se não trabalharmos em conjunto, a Europa não terá um papel importante no mundo que continuará em frente sem nós”, avisou Durão Barroso.  SIC

+Ler notícia: http://sic.sapo.pt/online/noticias/mundo/durao+barroso+alerta+para+os+desafios+economicos+que+ue+ainda+enfrenta.htm

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s