Lar de acolhimento de jovens encerrado em Estremoz por alegados “excessos e abusos”

De acordo com Paulo Cardoso, director-geral da instituição, “a suspensão da actividade teve por base decisões da Segurança Social”. Em declarações à agência Lusa, o responsável pela instituição falou sobre “indícios de excessos e de alguns abusos por parte de ex-funcionários do lar”. Contactado pelo PÚBLICO, Paulo Cardoso não quis precisar que tipo de “abusos e excessos” existiram, já que “há processos em tribunal”. E considerou que esta situação terá contribuído para a suspensão do acordo com segurança social, que permitia a actividade do lar. “Reconhecemos que no passado existiram procedimentos e métodos de actuação menos adequados”, confessou. Para além desta situação, Paulo Cardoso acrescenta que a instituição irá suspender a actividade “tendo por base a necessidade de reestruturar e requalificar a resposta”. Esta será a forma encontrada para, “num futuro próximo, voltar a oferecer uma resposta de excelência na área de apoio social”, concluiu.

O lar de Estremoz, que acolhia jovens do sexo masculino (a partir dos três anos de idade), sobrevivia graças ao apoio de beneméritos e donativos das igrejas evangélicas, mas também devido ao acordo de cooperação com a Segurança Social (SS). A suspensão deste acordo determinou o encerramento temporário da instituição.

Para Paulo Cardoso, era “evidente a necessidade de repensar e definir novas metodologias para a problemática da institucionalização das crianças e jovens em risco” e, portanto, o Lar Betânia “comunga da decisão da tomada (pela SS) no sentido de suspender para melhorar”, esclareceu em declarações ao PÚBLICO. As dificuldades vividas pela instituição (“carências de estruturas” e edifícios “obsoletos”) foram também reconhecidas pelo director. “Não possuíamos a qualidade que consideramos adequada”, concluiu.  Público

+Ler notícia: http://www.publico.pt/Sociedade/lar-de-acolhimento-de-jovens-encerrado-em-estremoz-por-alegados-excessos-e-abusos_1452173

Advertisements

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s