No futuro, as catástrofes de Verão poderão vir a ser normais

Um anticiclone e o El Niño ajudam a explicar as catástrofes naturais que assolam a Europa e a Ásia. No futuro, estes Verões podem ser habituais.

A onda de calor que hoje fustiga a Rússia pode ser comparável à do Verão quente de 2003 no Sul da Europa, que só em Portugal fez 1316 mortes. As temperaturas extremas russas, causadas por um anticiclone fora de tempo, conjugam-se com as chuvas no Paquistão, China e Europa Central para desenhar um quadro meteorológico hoje fora do comum. Mas pode vir a ser o normal no final deste século.

As monções anuais do Paquistão trouxeram este ano as piores cheias da história daquele país. Mais a norte, a Rússia vive a mais longa e intensa onda de calor dos últimos mil anos. A intensidade destes fenómenos cíclicos torna este cenário meteorológico muito raro. “A onda de calor [na Rússia] é um alerta”, comentou ao PÚBLICO Filipe Duarte Santos, especialista em alterações climáticas da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (FCUL).

Pedro Viterbo, coordenador científico do Instituto de Meteorologia, explica que a causa para a onda de calor sentida na Rússia é um forte anticiclone formado sobre aquela região. Este fenómeno “acontece sempre no Verão. O que é anormal nesta situação é a sua intensidade e o facto de se ter formado mais cedo, na Primavera”. Num anticiclone, o ar sobe do solo para a atmosfera, causando um tempo seco. As temperaturas elevadas devem-se a correntes de ar vindas dos desertos da Ásia Central, da península Arábica e do Norte de África. Além disso, o anticiclone exerce um efeito de barreira para as chuvas e as tempestades de Verão vindas do Norte, empurrando-as em direcção ao Árctico. Público

+Ler notícia: http://ecosfera.publico.pt/noticia.aspx?id=1450703

Advertisements

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s