“Basta de discussão social, é preciso acção social”. Câmara garante continuidade da maioria dos apoios

Visivelmente indignado o presidente da Câmara considerou revoltante a forma como o projecto está a ser encarado pelas entidades superiores, pois em seu entender é inaceitável que não tenha continuidade não obstante as dificuldades financeiras que atravessamos, tendo em conta os resultados obtidos. Neste sentido, Hermínio Loureiro prometeu fazer tudo para manter a maioria dos apoios a algumas valências do Solis, esperando apenas uma decisão definitiva por parte dos responsáveis da tutela.

Miguel Fernandes (Director Administrativo e Financeiro da Dianova): “Ainda não estou recuperado pelos momentos emotivos e dramáticos criados pelos testemunhos. Agradecemos a oportunidade que a Câmara nos deu. Este não era o âmbito da nossa actuação. Mas gostámos tanto, que vamos continuar a investir nele”. Correio de Azeméis

+Ler notícia: http://www.mynetpress.pt/pdf/2010/agosto/2010080321500f.pdf

+Ver apresentação Balanço Resultados SOLIS 2005-2010: http://www.slideshare.net/Dianova/projecto-solis-balano-final-2010

Anúncios

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s