Tecnologia inovadora quer aumentar segurança nas ruas

Luminosidade aumenta na presença de pessoas e veículos e reduz consumo energético.

Uma equipa de investigadores da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC) está a desenvolver uma tecnologia que pretende reduzir o consumo de energia em iluminação pública em 75 por cento. Um outro objectivo é aumentar a segurança nas ruas, a partir de um sistema de luminosidade regulada através do reconhecimento de imagem e de som. A iluminação diminui em ruas desertas e aumenta na presença de pessoas e veículos.

Com o nome de “Neurocity”, o projecto pretende também garantir uma maior segurança nas ruas. Este sistema de iluminação centra-se “em zonas consideradas de elevado risco, onde será necessário garantir um melhor reconhecimento das formas, nomeadamente reconhecimento facial”, explica Aníbal Traça de Almeida, coordenador da iniciativa, em comunicado.

O sistema funciona com uma luminária com tecnologia LED (Light Emitting Diode), acompanhada por um sensor de som e por uma webcam. Com este projecto, resultante de uma parceria entre a FCTUC, a empresa Arquiled e a Direcção de Tecnologia e Inovação da EDP, prevê-se “uma poupança de cerca de 100 milhões de euros por ano”, segundo avança a equipa de investigadores. A iniciativa está em fase de experimentação em Coimbra e no Porto e terá também presença em Évora. Ciência Hoje

+Ler notícia: http://www.cienciahoje.pt/index.php?oid=44259&op=all

Advertisements

Deixe um comentário

Ainda sem comentários.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s